Depois de um tempo meio afastado voltei a jogar isso aqui e qual não foi minha surpresa ao ser acusado de usar xiter por um player que até afirmou estar gravando minhas ações. O que achei curioso é a maneira como descrevia minhas jogadas justificando suas suspeitas. Para não prolongar o tópico tentarei citar uma delas: "...do nada, sem que pudesse ver sua localização me acerta estranhamente..." Na verdade eu estava escondido no mapa que conheço bem, o vi aproximar-se, me abaixei, passou por mim sem perceber, do esconderijo onde estava o acertei pelas costas. "...se mexe de forma estranha..." Claro, estava com o personagem Ingram que é muito ágil e veloz. Bom, mas ao invés de censura-lo até entendi seu ponto de vista; infelizmente nos dias de hoje fica até difícil se conseguir saber com exatidão quem é habilidoso e quem é o trapaceiro. Quantas vezes eu mesmo não devo ter julgado alguém injustamente? No final da partida pedi que revesse as gravações que fez pra avaliar com mais critério (se é que gravou mesmo). A propósito, no inicio do tópico falei que estava afastado, isso porque pedi a um amigo entendido no assunto para dar uma avaliada no meu PC. Achou incrível como conseguia jogar com 2GB sendo que o padrão hoje em dia é em média de 6GB. Resumindo me sugeriu a compra de um mais moderno, no meu tem peças nele que nem é mais fabricada. Mas o que me surpreendeu foi que com pequenos ajustes foi o suficiente pra melhorar razoavelmente minha jogabilidade, o que me levou a pensar que ainda vale a pena a busca de tecnologia pra melhorar a jogabilidade e não a trapaça. E é justamente isso que mais gosto de fazer. Cada vez que faço alguma mudança uso os games que já conheço como o Combat Arms pra verificar se surtiu alguma melhoria.